Você está visualizando atualmente RJ Alimenta chega a Magé, na Baixada Fluminense

RJ Alimenta chega a Magé, na Baixada Fluminense

Programa de assistência alimentar prevê a distribuição de 1.500 refeições por dia

Comida para quem tem fome. É com este objetivo que o ‘RJ Alimenta’ chegou, nesta sexta-feira (23/04), a Magé, na Baixada Fluminense. O programa de assistência alimentar do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, prevê a distribuição gratuita de 1.500 refeições por dia para pessoas em situação de vulnerabilidade social. A ação, que vai funcionar em parceria com a prefeitura, vai até o dia 21 de agosto e o ponto de distribuição será no Complexo da Água Doce, em Suruí, no 4º distrito de Magé.

– Estamos trazendo o RJ Alimenta para o município de Magé. Tenho certeza que outras parcerias serão realizadas em breve – disse o secretário de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Bruno Dauaire.

Serão 1.500 refeições por dia, incluindo cafés da manhã (a partir das 7h), almoços (a partir 12h) e sopas (a partir das 17h) de segunda a domingo, incluindo feriados.

– Estamos vivendo um momento difícil, de desemprego, de pobreza e da fome. Essa é uma ação do Estado para garantir o direito à alimentação e oferecer refeições saudáveis por compreender que a alimentação de qualidade, num momento fortalece o sistema imunológico das pessoas. O cardápio é preparado de forma cuidadosa pela nossa equipe de nutricionistas, e não é igual todos os dias e tem um sabor muito bom. O retorno que temos é muito positivo – afirmou a superintendente de Segurança Alimentar e Nutricional da Secretaria, Luiza Trabuco.

A Prefeitura de Magé montou uma estrutura para receber os cidadãos, com mesas e cadeiras, para que as pessoas que moram mais longe possam fazer a refeição no local. Os protocolos de segurança e prevenção à Covid-19 serão aplicados para que não haja aglomeração, com distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas e divisão em pequenos grupos. Além do acesso à alimentação, os beneficiários contarão com o serviço socioassistencial prestado por uma equipe da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos.

Terceiro polo do programa

O Programa RJ Alimenta é uma ação emergencial, com objetivo de prestar assistência alimentar às pessoas que estão em situação de insegurança alimentar durante a pandemia da Covid-19. Este será o terceiro polo do programa, que já realiza a distribuição de refeições no Centro da capital e em Nova Iguaçu.

Campos ganhará ‘Restaurante do Povo’

No próximo mês, a cidade de Campos, no Norte do estado, ganhará o segundo ‘Restaurante do Povo’ do Rio de Janeiro. A inauguração está prevista para o dia 7 de maio. A expectativa é oferecer 1.500 refeições diárias – entre café da manhã, almoço e jantar a preços populares (café a R$0,50 e almoço & jantar a R$1,00).

Fotos: Uanderson Fernandes