Um espetáculo de rara beleza e muitas tradições, a festa da Cerejeira, acontece no dia 17 de julho

Um espetáculo de rara beleza e muitas tradições, a festa da Cerejeira, acontece no dia 17 de julho

Além do florescimento das cerejeiras, um belo espetáculo à parte, o evento vai contar com dança japonesa e venda de comidas típicas. Neste ano, 17 de julho foi a data escolhida para a contemplação das belas árvores japonesas. A “Hanami”, festa da Cerejeira, evento de maior tradição da colônia japonesa de Nova Friburgo, acontece das 11h às 15h. O evento, organizado de forma independente pela colônia japonesa do município, com apoio da Prefeitura, acontece anualmente no sítio dos Matsuoka, em Florândia da Serra. A entrada do sítio fica após o Ceasa, sentido São Lourenço – Conquista.

Este ano, o evento conta com vários sorteios, exibição de danças japonesas, Kenjutsu, Iaijutsu, oficinas de Origami e vendas de comidas típicas. A exuberância das árvores chega a atrair cerca de 800 pessoas durante a festa. A entrada é franca, vale a pena conferir esse belo espetáculo da natureza.

Florescimento das cerejeiras
O inverno em Nova Friburgo, com alternância de temperatura (dias amenos e noites mais frias), favorece o desabrochar das flores, deixando a paisagem da cidade ainda mais bonita e atrativa para os turistas e friburguenses. O florescimento das cerejeiras é um belo espetáculo à parte e quem passa pela Via Expressa, Cônego, Cascatinha, Nova Friburgo Country Clube, Vale dos Pinheiros e vários outros lugares da cidade, deve tirar alguns minutos para apreciar e contemplar a beleza e a singularidade da árvore. Em Nova Friburgo, são pelo menos 2000 delas plantadas e a floração colore o inverno da serra com um charme todo especial.

No Japão, as flores são o símbolo do país e têm uma forte importância na cultura. Cada cidade possui uma associação de cerejeiras para preservar as plantas. No país, o florescimento da árvore é um marco: representa o início da plantação de arroz e a abertura da primavera. O tradicional costume japonês de apreciar a beleza das flores de cerejeira, “sakura”, enquanto curtem a família e os amigos, é denominado “Hanami”. No Japão, o “sakura” floresce a partir do fim do mês de março até o final de abril, dependendo da região. Já no Brasil, o florescimento ocorre normalmente no mês de junho e julho nas regiões de clima mais frio e duram apenas cerca de duas semanas.

A colonização japonesa em Nova Friburgo, com sua experiência e tradições milenares, modificou a paisagem da cidade e imprimiu importantes técnicas de cultivo de flores, que fizeram com que Nova Friburgo ocupasse hoje o primeiro lugar na produção de flores de corte do Estado.

Texto: Ana Carolina Romanelli
Foto: Ana Carolina Romanelli

Deixe uma resposta