Apesar da crise, Macuco continua investindo em saúde e educação
????????????????????????????????????

Apesar da crise, Macuco continua investindo em saúde e educação

Investimentos nos dois setores superam as determinações legais

ASSESSORIA DE IMPRENSA – PREFEITURA DE MACUCO

Na quinta-feira passada, 28 de julho, o Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) confirmou a aprovação das contas referentes ao exercício de 2015 da Prefeitura de Macuco. O TCE, no entanto, recomendou ao prefeito Félix Lengruber que, juntamente com sua equipe financeira, trabalhe a tentativa de contenção dos gastos com a folha de pessoal, que está um pouco acima do limite prudencial.

Em meio à crise financeira que assola os municípios brasileiros e tem sido a grande dor de cabeça dos administradores, com alguns deles literalmente entrando em desespero por não saber a solução para o enfrentamento desse momento tão conturbado, duas boas notícias mostraram que em Macuco nem mesmo a escassez de recursos e as dificuldades econômicas são capazes de frear as ações direcionadas a dois setores considerados prioridade pelo prefeito Lengruber: educação e saúde.

Conforme os números apurados pela Administração Municipal e aprovados pelo TCE-RJ, as expectativas no quesito educação, para o exercício de 2015, foram superadas, pois, de acordo com a Constituição Federal, 25% do valor arrecadado com os impostos devem ser direcionados obrigatoriamente ao setor educacional. Assim sendo, Macuco ficou acima desse patamar, já que os gastos na manutenção e desenvolvimento do ensino ficou em 28,65% da receita com impostos e transferências, ou seja quase 3% acima do previsto em lei.

Quanto ao setor de saúde, a Prefeitura de Macuco designou verbas para garantir ações e serviços na ordem de 28,12% do total das receitas com impostos e transferências, ficando acima dos 15% do que regulamenta a Constituição Federal. Ao tomar ciência do resultado da apreciação e consequente aprovação de suas contas, Félix Lengruber aproveitou para fazer uma espécie de desabafo.

“Desde que assumi firmei um compromisso com nossa população de que trabalharia incansavelmente pelo setor de saúde e é esse o legado que tenho preparado para deixar para as futuras gerações. Também tenho enorme satisfação em constatar que nossa área educacional é referência. A crise não é apenas um fantasma que nos assombra, ela é real, dura, preocupante e tem sido uma barreira para alcançarmos avanços em diversos segmentos. Ainda assim, oriento nossa equipe a buscar o melhor para Macuco e sei que as críticas são de pessoas que não conhecem realmente a gravidade dos dias de achatamento financeiro que vivemos”, desabafa Félix Lengruber.

Deixe uma resposta