Empresários de Angra e Miguel Pereira apresentam propostas de parceria

Empresários de Angra e Miguel Pereira apresentam propostas de parceria

Encontros do Mapa Estratégico do Comércio ocorrerão em 15 cidades do estado até o dia 31 de agosto

HERCULANO BARRETO FILHO
Rio – Em tempos de crise econômica, a união faz a força. A lógica faz parte de um conjunto de propostas para diminuir os custos e alavancar os lucros, apresentadas nos primeiros encontros do Mapa Estratégico do Comércio. Idealizado pelo Sistema Fecomércio RJ, o evento irá circular por 15 cidades do estado até o dia 31 de agosto, quando encerra o seu itinerário na capital.

A primeira edição do Mapa ocorreu no fim de março, em Angra dos Reis, onde foram apresentadas cerca de 140 propostas. Entre elas, uma sugestão que ilustra bem a parceria entre concorrentes. Empresários do setor de hotelaria da cidade pretendem quebrar a lógica da concorrência com a criação de um grupo no aplicativo WhatsApp para combinar compras coletivas de colchões, em busca de preços mais atrativos.Mas nem todas as ideias visam apenas o lucro. Mais do que uma preocupação em combater o aumento da taxa de desemprego, há uma iniciativa que pretende criar uma rede entre concorrentes para buscar vagas para funcionários dispensados em eventuais demissões por corte de custos. A ideia foi de comerciantes de Miguel Pereira, que sediou o segundo encontro do Mapa, na semana passada. No município do Centro-sul fluminense, foram 90 ideias — metade delas pela internet. O próximo encontro será na semana que vem, em Três Rios.

Para Irineu Frare, coordenador de projetos da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e um dos envolvidos na criação do Mapa, essas iniciativas mostram uma mudança na atitude dos comerciantes. “Não existe só a lógica da competição. Os empresários perceberam que há espaço para que eles se ajudem. Há um movimento para estabelecer uma rede de cooperação”, analisa.

O Mapa do Comércio, planejado até 2020 em iniciativa do Sistema Fecomércio RJ, busca refletir as demandas do setor. Só no estado, o setor do comércio de bens, serviços e turismo reúne mais de 349 mil estabelecimentos, que representam 62,2% dos estabelecimentos fluminenses. Este setor é responsável pela geração de aproximadamente 2 milhões de empregos formais, que equivalem a 42,6% dos postos de trabalho com carteira assinada no estado.

Estímulo para inovação

O Mapa Estratégico do Comércio oferece uma plataforma para estimular a inovação empresarial a partir da análise de indicadores econômicos, estudos internos e da realidade narrada por empresários.

Formulado em parceria entre o Sistema Fecomércio RJ e a Fundação Getúlio Vargas (FGV), o estudo reúne dados socioeconômicos das oito regiões fluminenses. Além de identificar vocações e oportunidades, o mapeamento é um instrumento estratégico para a atuação do Senac RJ e do Sesc Rio, braços de Educação Profissional e Sociocultural do Sistema.

O terceiro encontro regional ocorrerá entre os dias 28 e 29 deste mês, em Três Rios. Os eventos serão abertos ao público e as pré-inscrições para as palestras devem ser feitas através do site: www.mapadocomerciorj.com.br

As rodadas regionais do Mapa do Comércio 2015 são um desdobramento da segunda edição do Mapa, lançada em outubro do ano passado, no hotel Copacabana Palace.

Deixe uma resposta