Lei estadual confere a Cordeiro o título de Cidade Exposição
????????????????????????????????????

Lei estadual confere a Cordeiro o título de Cidade Exposição

Agora é oficial. Sancionada pelo governador em exercício, Francisco Dornelles, no dia 25 de maio, a Lei Estadual 7.285/2016, conferiu ao município de Cordeiro o título de “Cidade Exposição”. A iniciativa partiu de um projeto de lei do deputado estadual Thiago Pampolha e a lei definitiva foi publicada na edição do dia 30 de maio do Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro.

O prefeito Leandro Monteiro afirmou que o reconhecimento estadual é muito importante, pois a feira que deu origem ao famoso codinome movimenta a economia local e regional, cria uma expectativa positiva nas pessoas e é motivo de orgulho para o povo cordeirense. “Estamos ainda mais orgulhosos depois da lei estadual. Não há como negar que poucos eventos têm o charme, a importância e o glamour da Expo Cordeiro”, comemora o prefeito.

Exposição deu origem à emancipação

Em 1921, impulsionadas pelo crescimento da pecuária no interior do Estado do Rio de Janeiro, as principais autoridades estaduais e federais do setor projetaram um evento para marcar época e servir de vitrine para todo o país, já que se aproximava o centenário da Independência do Brasil. A Vila de Cordeiro foi escolhida para sediar a primeira Exposição de Gado e Produtos Derivados, que foi inaugurada no dia 4 de maio de 1921, pelo presidente da República, Epitácio Pessoa, e o presidente do Estado, Raul Veiga.

Vinte e dois anos depois, em 30 de maio de 1943, o presidente da República, Getúlio Vargas, e o interventor federal no Estado do Rio, Amaral Peixoto, inauguraram a segunda versão da feira. Na ocasião, selaram um pacto com o povo de Cordeiro que culminou com a emancipação do município, em 31 de dezembro daquele mesmo ano.

A Expo Cordeiro acompanhou as mudanças culturais, sociais e econômicas, mas nunca perdeu a sua grandeza e o seu lugar na história. Apesar de a maioria das pessoas ficar na expectativa dos shows, os animais expostos e julgados também são grandes estrelas. Atualmente, há vários eventos paralelos na feira, como a Expo Moda, o Concurso da Rainha, a Expo Arte, a Tenda Literária, a Expo Artesanato e a Tenda Cultural. A Expo Cordeiro, mais do que nunca, não é só dos cordeirenses, é um patrimônio do povo do Estado do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta