Dornelles recebe novo mapa da Firjan para o desenvolvimento do estado

Dornelles recebe novo mapa da Firjan para o desenvolvimento do estado

Documento contempla mercado de trabalho, sistema tributário, infraestrutura e gestão pública

O governador em exercício Francisco Dornelles e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, receberam, nesta segunda-feira (30/5), a nova versão do Mapa do Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro. Elaborado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), o documento propõe medidas – até 2025 – para o avanço no ambiente de negócios e a retomada do crescimento econômico do Rio e do país, já que quase metade das ações refere-se a questões estruturantes, como a tributária.

– A Firjan tem realizado um trabalho pioneiro no desenvolvimento industrial do Rio de Janeiro. O presidente Eduardo Eugênio colocou no novo mapa, todos os problemas que preocupam o empresariado: burocracia, carga fiscal, problemas trabalhistas e previdência. Ele sempre faz um trabalho que contribui para o fortalecimento do estado. Eduardo Eugênio tem sido um grande parceiro do Rio, tem defendido todas as grandes causas do estado no campo do desenvolvimento e no campo financeiro – afirmou Dornelles.

A segunda edição do estudo lista 46 propostas e 158 ações distribuídas em cinco pilares: sistema tributário, mercado de trabalho, infraestrutura, gestão e políticas públicas e gestão empresarial. Algumas delas serão diretamente executadas pela Firjan. A federação atuará na elaboração de projetos, estudos e indicadores quando as medidas dependerem da atuação junto aos Legislativos ou Executivos.

– O mapa foi construído a partir de debates, que envolveram todas as regiões do Rio. O objetivo é fazer do estado do Rio o melhor ambiente de negócios do Brasil – destacou o presidente da Firjan, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira.

Setenta e quatro por cento das ações referentes à primeira edição do estudo, referente ao período 2006-2015, saíram do papel. Um dos destaques deste trabalho foi a criação do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), em 2007; e a implantação do Arco Metropolitano, em 2014.

Próximos anos

O ministro Henrique Meirelles destacou a importância da parceria proposta pela Firjan pela retomada do crescimento do país.

– Já conversei com o governador (Francisco Dornelles), na última sexta-feira (27/5) sobre o assunto. É preciso dar aos estados um horizonte para os próximos anos. Em resumo, temos que trabalhar juntos, com parcerias. Estamos aqui para resolver problemas e para fazer avançar a economia brasileira – sinalizou Meirelles.

Dornelles reiterou a importância da manutenção do diálogo com a União.

– É com muita satisfação que recebemos essa informação do ministro Meirelles. Precisamos renegociar a nossa dívida, os problemas são graves e contamos com o bom entendimento com o governo federal. É essencial para que possamos fazer a rolagem da nossa dívida – concluiu Dornelles.

Regiões fluminenses

Além do documento que reúne demandas dos empresários para o estado e o país, a Firjan entregará, até julho, 10 agendas que vão aprofundar as questões de cada região fluminense.

O Mapa do Desenvolvimento também conta com um modelo de gestão, que possibilita o acompanhamento sistemático dos avanços e a realização de ajustes nas propostas e ações, por conta dos desafios que podem surgir ao longo dos anos. Todas as ações estão disponíveis para consulta em www.firjan.com.br/mapa.

O lançamento do Mapa ocorreu na sede da Firjan e também contou com a presença dos secretários de Estado da Casa Civil, Leonardo Espíndola; de Ciência, Tecnologia e Inovação, Gustavo Tutuca; e de Transportes, Rodrigo Vieira.

Núcleo de Imprensa do Govern

Deixe uma resposta